Dia das Mães: como lidar com a saudade da mãe que já partiu

Dia das Mães: como lidar com a saudade da mãe que já partiu

A morte de uma mãe é uma das coisas mais difíceis que devemos enfrentar na vida. Ainda mais quando é repentina. Não há tempo certo ou errado para lamentar sua partida e sentir saudade. Às vezes, esses sentimentos podem voltar anos após sua perda.

Perder a mãe em qualquer idade pode ser uma experiência traumática. Sua dor inicial pode ser grande, seguida por momentos de tristeza mesmo com o passar do tempo. 

Os efeitos da perda de uma mãe pode afetar nossa vida diária por semanas, meses ou anos depois. Não importa o tipo de relacionamento que você teve com ela, a perda pode ser avassaladora. 

A dor de perder a mãe

O luto pode ocorrer em etapas, com sintomas imediatos. Geralmente, a perda da mãe tem mais efeitos negativos nas filhas do que nos filhos. Isso porque as mulheres que vivenciam o falecimento de sua mãe são mais propensas do que os homens a ter um declínio maior na autoestima.

No geral, a perda pode causar uma variedade de efeitos físicos como problemas cardíacos e pressão alta. Os efeitos psicológicos mais comuns estão ligados à depressão. Nesse momento surge uma serie de sentimentos que podem incluir: arrependimento, remorso, vazio, raiva e tristeza.

Você também pode descobrir que os relacionamentos dentro de sua família agora estão tensos. Irmãos e outras figuras parentais podem parecer distantes. Eles podem precisar de seu próprio tempo para sofrer, ou podem não estar emocionalmente disponíveis da maneira que sua mãe já esteve.

Os efeitos do luto após a perda de uma mãe são diferentes para todos. Mas, lembre-se: o luto que prejudica seu rendimento diário ou persiste por mais de um ano pode exigir o apoio de um profissional de saúde mental.

Como lidar com a saudade

Não há nada que possa substituir a presença de sua mãe, mas existem maneiras de amenizar a saudade. Você pode encontrar algum consolo seguindo as seguintes dicas.

Refaça suas tradições

Repetir as tradições favoritas de sua mãe pode ajudar a aliviar sua dor. Isso pode significar fazer receitas que ela costumava cozinhar ou usar as mesmas fragrâncias que ela usava em sua casa.

Concentre-se em memórias felizes

Pode ser doloroso pensar nos momentos felizes que você passou ao lado de sua mãe. Com o passar do tempo, no entanto, você pode encontrar conforto em boas lembranças, como fotos ou livros.

Olhe para outras figuras maternas

Ser mãe nem sempre significa uma conexão de sangue. Você pode ter muitas figuras maternais em sua vida. Se você sente muita saudade de sua mãe, encontrar outro apoio materno pode ajudar a lidar com a perda.

Pratique a atenção plena

Você precisa ter a capacidade de se concentrar no que você está fazendo e não levar seus pensamentos por um caminho emocional. Quando você se lembrar de uma memória dolorosa relacionada à perda de sua mãe, você pode reconhecê-la, mas não insistir nela.

Honre sua mãe

Honrar a memória da mãe tem significados diferentes para cada pessoa. Por exemplo, prestar um serviço voluntário em uma instituição de caridade é uma maneira de honrar sua mãe, principalmente se ela se dedicava a caridade.

Plano de Assistência Familiar CCR

A CCR oferece um plano que além de oferecer a cobertura do funeral, também fornece alguns benefícios para a família como o empréstimo de produtos para reabilitação (muleta, andador, cadeira de rodas, cama hospitalar, entre outros).

A CCR possui três unidades de atendimento, nos municípios de Flores da Cunha, Nova Pádua e Nova Roma do Sul. Nosso principal objetivo é disponibilizar as famílias o máximo de conforto, carinho, respeito e profissionalismo em momentos difíceis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.